Coronavirus,  Quarentena em casa,  Sem categoria

Corrente do Bem: ajude as campanhas solidárias na pandemia de Coronavírus

Tempo de leitura: 15 minutos

Com a pandemia do Coronavírus, as medidas de restrição e confinamento tem atingido milhares de pessoas em várias cidades do mundo todo. Pessoas que dependem do trabalho diário nas ruas e que dependem da movimentação de pessoas para sobreviver. Além disso, a crise também vai reduzir os empregos e afetar rendimento de milhares de famílias.

Por outro lado, tem surgido uma onda de solidariedade enorme em todos os cantos do mundo, um sinal claro de que estamos melhorando como sociedade e que a empatia, colaboração e generosidade estão em alta. Sim, nós devemos ajudar uns aos outros neste momento da epidemia em que muitos passarão por necessidades que nem temos como imaginar.

Existem diversas campanhas solidárias que se destacaram recentemente para ajudar não só as vítimas do Coronavírus, mas também todos os que possam ser impactados com esta epidemia. Tem doação para tudo: alimentos, produtos de higiene, roupas, brinquedos, ração para animais, máscaras e EPIs e principalmente de dinheiro, que nesse tem sido o modo mais prático para contribuir, já que não exige o deslocamento do doador até quem precisa.

Colabore e compartilhe com esta corrente do Bem.

Nós também estamos colaborando e queremos compartilhar com vocês várias iniciativas que temos encontrado nas redes sociais, em sites e blogs. Somos muitos para fazer e com certeza você pode encontrar alguma que gostaria de colaborar. Confira a lista abaixo e se você tiver alguma sugestão, envie-nos pelo email blog@clubinhodeofertas.com.br que incluiremos aqui também.

Ah, aproveite para envolver as crianças também nesta onde de solidariedade. Recomendamos que assistam juntos o filme Corrente do Bem e possam conversar mais sobre a ajuda ao próximo.

Campanhas solidárias no Rio de Janeiro

O Instituto Ekloos se uniu ao Instituto Phi e ao Banco da Providência liderando a ação Rio Contra Corona que busca doações em dinheiro para as comunidades, que precisam receber com urgência itens básicos para prevenção contra o coronavírus e depois outras demandas que irão surgindo. É possível fazer doações através de cartão de crédito, débito e transferência bancária. Acesse https://www.riocontracorona.org/ para fazer a sua.

O Viva Rio criou o #SOSFavela com a ideia de diminuir os impactos causados pelo Coronavírus. Crianças estão sem merenda e sem escola. Nas 11 comunidades apoiadas, a maioria dos trabalhadores são informais, sem renda mensal em virtude do isolamento social. Serão distribuídas cestas básicas com alimentos e produtos de higiene, comprados em mercados das comunidades, para movimentar a economia local e ajudar as famílias cadastradas. Quer colaborar com o SOS Favela? Faça sua doação: Banco do Brasil Agência 3519-X Conta Corrente 25.523-8 CNPJ 30.836.216/0001-52. Mais informações em http://vivario.org.br/ .

Ação da Cidadania: o movimento social faz arrecadações de comida e produtos de higiene que devem ir para 4 mil família de comunidades pobres do Rio e da Baixada Fluminense – vindas de empresas e pessoas, as doações somam 40 toneladas. Na quarta-feira (25), a doação virou jantar na casa de muitas famílias da Ilha do Governador, Zona Norte do Rio. Acesse https://www.acaodacidadania.com.br/

Atados: plataforma social que reúne diversas campanhas de arrecadação de doações para pessoas que moram no Rio de Janeiro durante a pandemia do novo coronavírus. O projeto também é uma plataforma de voluntariado unido interessados às iniciativas. Algumas ONGs pediram produtos necessários para montar kits de higiene e limpeza e cestas básicas. Para ajudar, basta acessar o site do Atados https://www.atados.com.br/ e escolher a campanha que deseja participar. 

O centro comunitário Casa Amarela Providência tem recebido doações financeiras para compra de cestas básicas e produtos de higiene para os moradores do Morro da Providência. As doações podem ser feitas para Casa Amarela, Banco Bradesco, agência 0448, conta corrente 12520-2, CNPJ: 25.144.594/0001-35. Para mais informações acesse www.casaamarelaprovidencia.net .

Campanhas solidárias em São Paulo

A Rede Gerando Falcões abriu um fundo emergencial para garantir a alimentação de pessoas pobres. A organização atua em periferias e favelas de São Paulo com projetos de esporte e cultura para crianças e adolescentes, e de qualificação profissional para jovens e adultos. O dinheiro poderá ser usado por famílias que receberão um cartão para a compra de alimento. Saiba como doar em https://gerandofalcoes.com/ .

O Hospital São Paulo pede doações de materiais como máscara, álcool gel, aventais e óculos de proteção. O objetivo é atender os profissionais da instituição, que também solicita ajuda com dinheiro. Materiais devem ser encaminhados para o seguinte endereço: Rua Borges Lagoa, 570. O funcionamento é das 7h às 18h. Informações para as doações são encontradas em https://www.unifesp.br/doehsp .

No Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo: residentes e profissionais de outras áreas criaram o movimento #VemPraGuerra, que tem o objetivo de arrecadar até R$ 10 milhões para a instituição. O dinheiro será usado para adquirir insumos necessários para a proteção de funcionários e pacientes. Informações para as doações são encontradas em https://www.charidy.com/vempraguerra .

O projeto Fogão na Rua atende moradores de rua de São Paulo desde 2016. Uma vez por mês, voluntários do grupo distribuem refeições, produtos de higiene (escova e pasta de dentes, sabonete, papel higiênico e absorvente), cobertores e roupas para pessoas de rua. Neste mês, o projeto começou a distribuir álcool em gel. Acesse https://www.fogaonarua.com.br/como-doar e saiba como participar.

Rede de Solidariedade: a campanha foi criada pela prefeitura de Araraquara para unir pessoas que queiram ajudar na cidade. Os cadastrados poderão doar alimentos não perecíveis e itens de limpeza e higiene pessoal para as famílias economicamente mais vulneráveis, doentes crônicos e pessoas em situação de vulnerabilidade social.Segundo a prefeitura, os interessados em contribuir com as doações podem ligar para o 0800 773 1145 para receber as orientações necessárias.

Campanhas solidárias Nacionais

Central Única das Favelas: a Cufa busca apoio para moradores de comunidades. As doações podem ser feitas em dinheiro por meio de contas bancárias e/ou vaquinha on-line. É possível doar também pelo App @picpay. Os recursos serão usados para comprar alimentos e itens de higiene, como sabão em pó, sabonete e papel higiênico. Saiba como doar em https://www.cufa.org.br/ .

Mães da Favela: iniciativa ligada à Central Única das Favelas (Cufa), que reúne 500 comunidades em todo o país, para arrecadar recursos que serão doados a mães de família moradoras de favelas. As beneficiadas receberão, por dois meses, um auxílio de R$ 120 batizado de “vale-mãe”. Confira como doar em https://www.maesdafavela.com.br/ .

Unicef: no Brasil, o Fundo das Nações Unidas para a Infância está fazendo a ponte entre empresas que querem doar itens de saúde e higiene às comunidades mais vulneráveis em todo o país. O fundo também está focando esforços na disseminação de informações confiáveis para a população, em especial famílias com crianças. E está trabalhando com governos, empresas e sociedade civil para mitigar o impacto da crise e garantir a continuidade dos serviços – saúde, educação, assistência social e proteção contra a violência – adaptados à nova realidade. Pessoas físicas e empresas que quiserem doar podem entrar em contato pelo site https://www.unicef.org/brazil/ ou pelo telefone 0800 605 2020. 

A Sabor Solidariedade é uma iniciativa feita a partir de uma parceria entre parceiros e distribuidores de orgânicos no Brasil, para distribuir alimentos orgânicos para as famílias em situação de vulnerabilidade social nesse momento de crise e isolamento por causa da pandemia do COVID-19. São atendidas comunidades no Rio de Janeiro e em São Paulo. Qualquer pessoa pode doar a partir de 45 reais (ou múltiplos disso). O valor será usado para pagar os custos de uma cesta de produtos orgânicos e entregue às famílias. Clique em http://sabordesolidariedade.com/ e faça sua doação.

O Fundo Emergencial para a Saúde recebe doações em dinheiro que serão repassadas aos seguintes hospitais públicos e instituições de ciência e tecnologia envolvidas com o combate ao coronavírus: Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), Irmandade Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), Fundação Faculdade de Medicina e Comunitas. Saiba como doar em https://www.bsocial.com.br/causa/fundo-emergencial-para-a-saude-coronavirus-brasil .

A Corretora XP criou a campanha #juntostransformamos para arrecadar recursos para a compra de alimentos. As arrecadações serão encaminhadas para famílias prejudicadas por falta de trabalho durante o período de isolamento. Saiba como doar no link https://www.charidy.com/juntostransformamos .

O projeto Arrecadação Solidária é uma parceria do programa Pátria Voluntária, do governo, com a Fundação Banco do Brasil. O objetivo é arrecadar recursos para entidades sem fins lucrativos que atuam junto a grupos vulneráveis da sociedade. As doações poderão ser feitas por pessoas físicas e jurídicas por meio de dois sites na internet: www.gov.br/todosportodos e patriavoluntaria.org. O valor mínimo é de R$ 30. Para facilitar as doações, as operações também poderão ser feitas por cartão de crédito e transferências bancárias. A operacionalização dos depósitos será realizada pela Fundação Banco do Brasil. O Banco do Brasil anunciou uma conta para receber doações: Banco do Brasil (001); agência: 1607-1; conta corrente: 19.019-5. 

Grasiela Camargo

Publicitária, fundadora e CEO no Clubinho de Ofertas. Mineira, mãe da Júlia, que inspirou o site. Apaixonada por cultura e por descontos, acredita no poder da cultura e do lazer no desenvolvimento cognitivo das crianças.