Educação

Desafios da paternidade? O Pai de 5 conta para o Clubinho!

Adriano Bisker é advogado e o cara por trás dos relatos divertidos e amorosos do Pai de Cinco. O blog onde escreve sobre a sua rotina, aprendizados e momentos de felicidade em família é só uma pequena demonstração da importância da presença e participação paterna no desenvolvimento dos filhos. Além disso, Adriano também é um dos parceiros do Clubinho de Ofertas e está sempre aproveitando nossas ofertas com a sua turminha.

Pai? Presente!

Dessa vez, ele veio contar pra gente o que é ser pai do Felipe, do André, da Nicole, da Sofia e da Bruna, e como a paternidade o transformou e triplicou o seu tempo.

O que mudou na sua vida depois da paternidade e o que você aprendeu com ela?

Foram dois ciclos, o primeiro após o nascimento dos meninos e o segundo após o nascimento das trigêmeas.
Mudou bastante, né? Veio a maturidade, o sentimento de gratidão, a necessidade de entender que a paternidade passa pelo envolvimento com a esposa em busca de uma harmonia e união.
Aprendi que somos a principal fonte de inspiração para nossos filhos. Busco diariamente evoluir como ser humano, com o propósito de criar da forma que entendo ser o correto: a busca dos valores, o amor e a gratidão!

Qual é o maior desafio da sua rotina?
Posso numerar? Rs

Bom, entendi na marra que, para ter filhos, independente da quantidade, a rotina é obrigatória! Pessoalmente, o maior desafio da rotina é a repetição tripla dos pequenos atos diários, já que demandam muito!

Qual é a grande diferença entre ser pai de 1 e ser pai de 5? É mesmo o tempo?
Falou tudo! Tempo!

Uma dificuldade que vejo é em relação à idade entre os meus filhos, que vão dos 3 anos a 12 anos, são os programas, as atividades, a educação que são totalmente diferentes!

“Saber lidar com cada fase que os meus filhos passam e entender essas diferenças, confesso, não é nada fácil!”

Outro desafio é manter a estabilidade emocional e doação, de forma coletiva, mas também individual, sabendo que cada filho demanda uma postura, atenção e carinho, e tem que multiplicar para tentar atender a todos…

 

Hoje em dia muito se fala sobre uma nova configuração da família, com o homem dividindo mais as tarefas da casa e o cuidado com o filhos. O que você acha disso? Como é ser pai hoje em dia?

Acho sensacional! Rsrsrs (Aliás, as mães que devem achar sensacional). Brincadeiras à parte, no meu caso esta “nova configuração” veio em decorrência da necessidade de fazer a sua parte nas tarefas da casa e da educação dos filhos.

Sinto que estas mudanças vem ocorrendo, mas ainda há muito chão a percorrer.. É preciso desmistificar a imagem do pai como aquele que somente deve prover financeiramente, e entendo, também, que muitas mães precisam “dar espaço” para que os homens possam assumir estas funções que tem vontade, mas que às vezes travam por algum receio pessoal.

Por causa do meu blog passei a ter contato com muitos pais, (solos, com 1 ou muitos filhos, separados ou casados) que abraçaram a causa, arregaçando as mangas e se unindo na busca do ideal pessoal de como deve ser esta relação com seus filhos. Isso é incrível!

Acredito ser irreversível. Teremos uma geração de filhos que tiveram seus pais presentes, uma geração que irá mudar muito os paradigmas, pode anotar isso!

Para você, qual o melhor caminho para que os pais se tornem mais presentes e participativos na vida dos filhos?

Em primeiro lugar ter a conversa aberta e franca com a mãe. Mostrar que quer ser presente e participativo e como isso pode ser colocado em prática. Em relação aos filhos, dedicar em estar presente, mas não somente de forma física.Digo presente de “corpo e alma”, de entender a situação, participar, envolver, criar, se desafiar a ser cada vez melhor, buscando se tornar uma referência aos seus filhos…

“E claro, fazer programas, atividades. Se aproximar dos filhos através do acesso à cultura, livros, músicas, isso com certeza garantirá um vínculo incrível que todos colherão os frutos!”

Seja sentar no chão com os pequenos ou sentar à mesa para as refeições (fundamental!), apresentando os desafios e as respostas para que os filhos possam evoluir naturalmente.

Seja paizão com o Clubinho!

Assim como Adriano, os pais podem aproveitar as dicas do Clubinho de Ofertas  para se aventurar nesta gostosa e surpreendente missão da paternidade.

 

Acompanhe o Pai de Cinco! 

http://www.paide5.com.br/

https://www.facebook.com/paidecinco

https://www.instagram.com/paidecinco/

 

Deixe seu comentário