mãos de muitas crianças diferentes
Educação

Papo cabeça: tratando assuntos importantes com diversão

Tempo de leitura: 4 minutos

Refletir sobre diferenças de gênero, classe ou raça não é algo muito confortável, principalmente quando você não se encaixa em nenhum grupo de reivindicação. Muitos de nós se esbarra na ausência de conhecimento e de experiência com o assunto. No entanto, quando se tem filhos é preciso falar sobre todos estes assuntos, e encontrar uma forma saudável de ensiná-los.  

Como tratar o assunto na educação infantil?

Muito se fala sobre “lugar de fala”, que diz respeito a quem vive diariamente uma determinada situação e, por isso, tem propriedade para questionar e criticar o assunto.

Pensando nisso, ao conversar com uma criança sobre assunto é preciso, antes de tudo, dar o primeiro passo, que é: ouvir. Com atenção, respeito e empatia. A partir disso, será mais fácil compreender os desafios de cada pessoa e causa. Sempre lembrando que os sentimentos e reações são estímulos muito pessoais de cada um. Por isso a empatia é algo tão importante, que abre tantas portas. A empatia é capacidade de se colocar no lugar do outro, e nesse sentido, dar credibilidade aos sentimentos expostos.

A educação infantil transita muito pela construção de sentimentos como o respeito, que é uma ferramenta importantíssima no aprendizado sobre questões mais delicadas, como o racismo.

Mas é tratando o assunto desde criança que será possível construir uma geração diferente para o futuro. A educação infantil exerce um papel fundamental para construção de amanhã diferente, pois sua viabilidade nasce do trabalho conjunto por uma formação mais diversa e participativa das nossas crianças.

Construa pontes!  

Já pensou em talvez separar um dia do mês para ver uma peça que traga um pouco desses questionamentos para o palco? Ou então, fazer um passeio para algum lugar forte e cultural? Além de você viver experiências educativas e inesquecíveis com seu filho, você provavelmente vai estimulá-lo a contar para outros amiguinhos o que ele aprendeu.

Ensinar pode ser muito mais lúdico e divertido. Aproveite!

Erika Zordan

Jornalista e Produtora de Conteúdo no Clubinho de Ofertas. Mineira de raiz, carioca de coração. Sou apaixonada por histórias e acredito muito no poder de transformação da educação.